Serra Gaúcha




Serra Gaúcha, Rio Grande do Sul
 
Um dos destinos mais visitados do Brasil, a Serra Gaúcha atrai milhares de turistas com suas belas paisagens e cidades encantadoras. Há quem procure o friozinho das montanhas ou o cheiro das uvas, a paisagem pode estar branca pela neve ou tomada por hortênsias, o encanto será o mesmo.
O roteiro de viagem pela Serra inclui paisagens de tirar o fôlego, muito verde, vales rochosos, cânions, cachoeiras, vinícolas e cidades acolhedoras. No inverno ou em qualquer época do ano é possível praticar de esportes radicais, realizar roteiros de enoturismo, visitar a redutos religiosos e de compras.
Na Serra Gaúcha é possível aproveitar o clima europeu, belezas naturais, gastronomia abundante, hotelaria de primeira e paisagens cinematográficas, além é claro, da torcida pelo encontro com a neve.


Devido às baixas temperaturas, incomuns no país, a região Serrana do Rio Grande do Sul é um dos principais destinos de inverno no Brasil.
A região é ideal para ser percorrida de carro, o caminho de estradas montanhosas e a proximidade entre as cidades, são atrativos. Em uma semana é possível conhecer, em média, 10 cidades, percorrendo em torno de 500 km – com saída e chegada por Porto Alegre.
Entre os lugares mais visitados estão Gramado e Canela, além do Vale dos Vinhedos, localizado a 120 quilômetros de Porto Alegre, entre Bento Gonçalves, Garibaldi e Monte Belo do Sul.

 
............................................................................................................................................................. 
Antônio Prado
Localizado a 185 quilômetros de Porto Alegre, Antonio Prado é considerada a cidade mais Italiana do Brasil, tendo 92% de sua população composta por descendentes de italianos, a cidade foi a sexta e última colônia imperial criada na Serra Gaúcha.
Antônio Prado possui o maior e mais completo conjunto arquitetônico da colonização italiana no Brasil, são s 48 imóveis tombados pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional.
No roteiro Caminhos da Imigração, é possível conhecer o trabalho e os costumes dos primeiros imigrantes. A Cascata da Usina, localizadas a seis quilômetros da cidade, na verdade são duas quedas d'água de 60 e 70 metros que podem ser avistadas de três mirantes.

............................................................................................................................................................. 
Bento Gonçalves
Famosa pelas vinícolas, pela uva e especialmente pelo vinho, a cidade de Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha, é um dos mais bonitos e românticos destinos turísticos do sul do Brasil.
A Capital Brasileira do Vinho abriga uma variedade de vinícolas no belíssimo Vale dos Vinhedos. O município oferece uma gama de hotéis, destaque para a forte influencia dos imigrantes italianos, germânicos e poloneses seja na arquitetura ou gastronomia da cidade.
Nas vinícolas é possível fazer um passeio guiado, cursos de degustação e acompanhar as etapas de fabricação do vinho.
A região possui diversos atrativos como Spa do Vinho com tratamentos a base de vinho e uva, turismo rural e ecoturismo. O passeio de Maria Fumaça é um dos mais procurados, a locomotiva percorre a distância entre Bento Gonçalves e Garibaldi.


............................................................................................................................................................. 
Cambará do Sul
A pequena Cambará do Sul é conhecida como a terra dos Cânions (são 60 vales profundos), a cidade que fica apenas 200 quilômetros de Porto Alegre é porta de entrada para os parques ecológicos Aparados da Serra e Serra Geral. Uma das paisagens mais famosas e deslumbrantes é o Cânion Itaimbezinho, que possui 6 quilômetros de extensão e cerca de 700 metros de profundidade.
Cambará do Sul está a 1980 metros de altitude, sendo uma das cidades mais altas no Brasil com temperatura pode chegar a 8 graus negativos no inverno.

............................................................................................................................................................. 
Canela
Canela, no Rio Grande do Sul, faz parte do Circuito Turístico da Serra Gaúcha, atraindo visitantes em todas as épocas do ano, em especial no inverno onde as paisagens ficam ainda mais bonitas.
Um dos seus cartões postais, a Cascata do Caracol pode ser apreciadas das alturas dos Bondinhos Aéreos do Parque da Serra.
A visita a Catedral de Pedra é imperdível.  Para quem gosta de aventura, é possível passar o dia no Alpen Park ou curtir temperaturas mais baixas, no Parque Mundo Gelado, o primeiro parque temático de gelo da América Latina, com temperaturas entre -10ºC e -15ºC.

............................................................................................................................................................. 
Caxias do Sul
Localizada a 136 km de Porto Alegre, Caxias do Sul é a mais rica cidade da Serra Gaúcha. Conhecida como terra da uva e do vinho, foi colonizada por imigrantes italianos, por isso, é considerada a "pequena Itália do Brasil".
A encantadora Caxias do Sul abriga no verão a Festa da Uva – uma das maiores e mais importantes festas do Rio Grande do Sul.
Na cidade é possível conhecer vastos parreirais, suas vinícolas e pequenas propriedades agrícolas que produzem alguns dos melhores vinhos do país, além de museus, igrejas e casas históricas.

............................................................................................................................................................. 
Farroupilha
Farroupilha é um simpático município da Serra Gaúcha, berço da colonização italiana vindas de Milão, é a capital nacional da malha; maior produtor de kiwi do país e maior produtor de uvas moscatéis do Brasil.
O cartão postal de Farroupilha é o belíssimo Salto Ventoso, uma queda de 52 metros de altura forma uma cortina de água que esconde uma gruta. Além disso, abriga atrativos naturais de grande beleza como o Parque dos Pinheiros e o Balneário Santa Rita.
No turismo religioso a maior manifestação se dá junto ao Santuário de Nossa Senhora de Caravaggio, que congrega todos os anos romarias com a participação de mais de 200 mil pessoas.


............................................................................................................................................................. 
Flores da Cunha
Localizada na Serra Gaúcha, a 150km da Capital Porto Alegre, Flores da Cunha é o maior produtor de vinhos do Brasil, com mais de 200 vinícolas, além de ser o 2º maior produtor de uvas do país.
A paisagem tipicamente europeia é intercalada pela arquitetura italiana, construída pelos imigrantes que chegaram por volta de 1877. A maior atração de Flores da Cunha são os roteiros que exploram as fábricas, adegas e parreirais. Um dos mais conhecidos é a Rota dos Vinhos dos Altos Montes, que permite acompanhar o processo de fabricação em diferentes vinícolas. Já os Caminhos da Colônia é um percurso de 35 quilômetros que sai de Flores da Cunha e passa por outras cidades da região, percorrendo propriedades rurais, parques e restaurantes típicos.
Outros pontos de interesses são a Igreja Matriz Nossa Senhora de Lourdes e as vistas que se tem dos mirantes de Gaio e Gelain. Na Área rural as pequenas colônias são produtoras de deliciosos licores, queijos, vinhos e outros produtos coloniais.

............................................................................................................................................................. 
Garibaldi
Garibaldi, na Serra Gaúcha é conhecida como a Capital do Espumante, e uma das principais produtoras de espumante do mundo, concentrando 80% da produção nacional, abriga empresas famosas como a Chandon e a Pelegrino.
A capital nacional do espumante está localizada a 15 km de Bento Gonçalves e a 115 km Porto Alegre. Possui como principal atrativo turístico, o tradicional passeio de Maria-Fumaça num trajeto de 23 quilômetros que passa pelos municípios de Carlos Barbosa e Bento Gonçalves e inclui degustação de sucos, vinhos, queijos e apresentação de grupos folclóricos.
Outra forma de apreciar a cidade é através de diversos roteiros como a Rota dos Espumantes onde é possível conhecer o processo de elaboração da bebida e degustação dos melhores espumantes nacionais. Tem também a Rota das Cantinas que conta a histórias das famílias e do cultivo da uva, passando por vinícolas, adegas e cantinas em meio a uma paisagem cercada por colinas e parreirais. Já o roteiro Estrada do Sabor propõe experiências no turismo rural e o roteiro Passadas – Arquitetura do Olhar é realizado a bordo de um caminhão de guerra de 1944, percorrendo 34 prédios construídos nas primeiras décadas do século XX.

............................................................................................................................................................. 
Gramado
Considerada um pedacinho da Europa no Brasil, Gramado é o terceiro destino turístico mais visitado no país, preserva uma mistura perfeita entre as culturas alemã e italiana. Apontado por muitos como o melhor destino de inverno no Brasil, os termômetros na cidade chegam a marcar temperaturas abaixo de 0ºC com geadas e neve ocasional.
A cidade abriga o Festival de Gramado, grande evento cinematográfico do país e também o Natal Luz, o primeiro evento natalino do Brasil, que hoje é um dos maiores espetáculos do gênero no mundo.
Os amantes da natureza não podem deixar de fazer um roteiro de agroturismo. Possui belezas naturais como a Cascata dos Narcisos e a Cascata Véu de Noiva com quedas de 20 metros. Outra atração imperdível é o Lago Negro circundado por hortênsias no verão e azaleias no inverno.
Seja pelo charme das ruas floridas, nos detalhes da arquitetura ou no requinte da gastronomia, Gramado sempre surpreende seus visitantes. 

............................................................................................................................................................. 
Nova Petrópolis
Nova Petrópolis foi colonizada por imigrantes vindo da Alemanha, por isso, abriga excelentes casas de café colonial e arquitetura enxaimel.
Os jardins são floridos o ano inteiro, por isso, Nova Petrópolis é considerada o Jardim da Serra Gaúcha. Na Praça da República, no coração da cidade, as plantas são a atração.
O Parque Aldeia do Imigrante abriga em meio à mata nativa uma típica aldeia alemã do século XIX.  A cidade oferece o roteiro de turismo rural Alemães do Sul - Caminhos de um Povo que passa por propriedades de imigrantes, acompanhando a sua rotina e degustando as delícias da cozinha germânica.
Nova Petrópolis é um passeio inesquecível com a vantagem de estar a um passo das vizinhas famosas, Gramado e Canela.

............................................................................................................................................................. 
São Francisco de Paula
Próximo às vizinhas famosas, Gramado e Canela e também à área dos cânions, o município de São Francisco de Paula é um lugar de natureza privilegiada, cercado de montanhas e bosques de araucárias. 
São Chico, como é conhecida no Rio Grande do Sul, é famosa pelas suas belas paisagens de campos no meio da Serra Gaúcha. O Lago São Bernardo é o cartão postal de São Francisco de Paula. A cidade abriga o Parque das 8 cachoeiras que ganhou este nome por causa de suas oito grandes quedas cercadas de mata atlântica e que podem ser conhecidas através de trilhas ecológicas.

............................................................................................................................................................. 
São José dos Ausentes
São José dos Ausentes encontra-se na divisa entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina. A cidade é conhecida por seu inverno rigoroso, que tem temperaturas abaixo de zero e neve e também por seus belíssimos cânions.
A localidade mais fria e mais alta do Rio Grande do Sul oferece atrativos o ano inteiro. Possui cenários magníficos como o Pico do Monte Negro, o ponto mais alto do Estado com 1.398m, as nascentes do Rio das Antas e Rio Pelotas.
Os cânions da região marcam a transição do planalto serrano gaúcho à faixa litorânea de Santa Catarina. A região abriga os mangueirões de pedra, grandes muros construídos por escravos e jesuítas que serviam para o confinamento do gado. Os muros passam de um metro de espessura e, em alguns trechos, atingem quase 2 metros de altura.
Para os aventureiros a Trilha das Cachoeiras que percorre o Sítio Vale das Trutas, passando pelas cachoeiras do Musgo, da Saracura, da Curruíra, do Campestre, do Bandeira e do Juvenal é imperdível.


.............................................................................................................................................................

Poderá também gostar de:
Canadá
Repleto de belezas naturais e riqueza cultural, cidades modernas, florestas, montanhas nevadas, parques nacionais e vida selvagem. 
Guia de Intercâmbio
Tudo que você precisa fazer para fazer um intercâmbio.
Torres
Conheça as praias mais bonitas do Rio Grande do Sul que ficam na cidade de Torres.
Esqui na Argentina
Conheça as estações de esqui da Argentina.

Busca

Tradutor

Portuguese Chinese (Simplified) English French German Italian Spanish